domingo, 7 de março de 2010

Robert Langdon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Robert Langdon
Tom Hanks as Robert Langdon.JPG
Robert Langdon em ação em cenas do filme Angels & Demons

Nascimento 22 de Junho, 1956
Exeter, New Hampshire, Estados Unidos Estados Unidos
Sexo Masculino

Actividade(s) Professor da iconografia religiosa e simbologia, da Universidade de Harvard
Família Howard Langdon (bisavô)
idade 46 anos, no romance The Lost Symbol

Criado por Dan Brown
Primeira aparição The Da Vince Code
Última aparição The Lost Symbol
Interpretado por Tom Hanks

Robert Langdon (nascido em 22 de junho de 1956, em Exeter, New Hampshire, Estados Unidos) é um Professor fictício da iconografia, religiosa e simbologia, na Universidade de Harvard, criado pelo autor Dan Brown, para os romances de Anjos e Demónios (2000), O Código da Vinci (2003) e O Simbolo Perdido (2009), de Dan Brown.
Tom Hanks, interpretou Robert Langdon, na adaptação do filme de 2006, O Código Da Vinci, e repetiu o seu papel na adaptação cinematográfica em 2009, Angels & Demons

Índice

[esconder]

[editar] O desenvolvimento da personagem

O personagem foi criado por Dan Brown como uma ficção de "alter ego" de si mesmo ou "o homem que deseja que poderia ser". O próprio Brown nasceu a 22 de junho de 1964 em Exeter, New Hampshire, e a personagem fictícia de Langdon, é descrito como ter nascido em 22 de junho, também em Exeter, e frequentando a mesma escola que Brown fez, Universidade de Phillips Exeter.
Brown deu o nome da personagem depois de John Langdon[1], um professor de tipografia na Universidade de Drexel, que é conhecido por sua criação de ambigramas, desenhos tipográficos que pode ser lida de várias formas, por exemplo, tanto do lado direito para cima e para baixo. Um exemplo de ambigramas feitos por Langdon, apareceu na capa da primeira edição do romance de Brown, no romance Angels & Demons, entre outros ambigramas em destaque em todo o romance, também projetado por Langdon. Na página de agradecimentos, Brown chama Langdon de "um dos artistas mais engenhoso e talentosos vivos..." que do qual se levantou de forma brilhante para o seu desafio impossível e criou os ambigramas para essa novela". John Langdon também criou o logotipo para o fictício Banco de Depósitos de Zurique, que aparece no filme O Código Da Vinci.

[editar] Linha da história

Robert Langdon (nascido em 22 de junho de 1956 em Exeter, New Hampshire, Estados Unidos) é descrito como um Harrison Ford em "tecido de lã"[2]. Ele era um mergulhador na Universidade de Phillips Exeter, e jogou também polo aquático, na Escola Preparatória. Ele sofre de claustrofobia, o medo de espaços fechados, como ele caiu em um poço quando tinha 7 anos de idade. Conhecido por um problema de resolução de mente brilhante, ele tem uma memória eidética e um conhecimento enciclopédico de semiótica. Professor da Universidade de Harvard, ele ensina Iconografia Religiosa e Simbologia.

[editar] Angels and Demons

Robert Langdon é chamado à sede do CERN, na Suíça para desvendar as implicações religiosas e simbólicas da morte de um dos melhores e mais bem conhecidos cientistas, Leonardo Vetra. Quando ele começa a investigar o assassinato, sua obsessão pela história assunto vem à tona. Langdon, junta-se mais tarde, na investigação com Vittoria Vetra (filha de Leonardo) e iniciam a sua viagem ao Vaticano para desvendar o mistério por detrás dos Illuminati[3], uma sociedade secreta anti-cristã, que, de acordo com o enredo, infiltrou-se profundamente em muitas instituições globais, como a política, económia e a religião. Langdon e Vetra resolver o mistério dos Illuminati, seguindo o Caminho da Iluminação (Path of Illumination)[4], para explicar o desaparecimento de quatro cardeais durante um conclave papal, o assassinato de Leonardo Vetra, e do roubo da antimatéria (uma substância que pode ser usado para destruição em massa). No final da novela Langdon acaba tendo um relacionamento com Vittoria Vetra. Nas últimas frases de Anjos e Demônios, Vittoria Vetra pergunta se ele já teve uma experiência divina. Quando ele responde pela negativa, Vittoria desnuda-se e em inteligência diz : "Você nunca foi para a cama com um mestre de yoga, não é?" O relacionamento deles, no entanto, só é mencionada brevemente em O Código Da Vinci, que citam o fato de que Langdon tinha visto pela última vez Vittoria um ano antes.

[editar] The Da Vinci Code

No início de 2003, em O Código Da Vinci, Robert Langdon está em Paris, para dar uma conferência sobre sua obra. Tendo feito uma reunião para se encontrar com Jacques Saunière, curador do Louvre, ele assusta-se ao encontrar a polícia francesa em sua porta do quarto do hotel. Eles informam a Langdon, que Saunière foi assassinado e que gostariam da sua assistência imediata para o Louvre para ajudá-los a resolver o crime. Desconhecido para Langdon, ele é de facto, o principal suspeito do assassinato e foi convocado para a cena do crime para que a polícia pode extrair uma confissão dele. Enquanto ele está no Museu do Louvre, ele conhece Sophie Neveu, uma jovem criptologista. Quando Langdon e Sophie tem a hipótese de falar em privado, ele descobre que Jacques Saunière é seu avô. Saunière instruiu Sophie para "Encontrar Robert Langdon", de acordo com a mensagem que ele deixou para ela no chão, por isso, Sophie acredita que ele é inocente pelo assassinato de seu avô.
Ele passa o resto do romance, esquivando-se da polícia e tentando resolver o mistério de uma antiga sociedade secreta, que foi liderado pelo próprio Leonardo da Vinci, o Priorado de Sião. No final do romance, Langdon descobre o mistério por trás de Maria Madalena e o Santo Graal também chamado de Sangreal. Ele e Sophie, por outro lado, são, aparentemente, apaixonandos um pelo outro. Na verdade, eles marcam um encontro em Florença, Itália por uma semana, um mês mais tarde com Langdon, prometendo a Sophie que não vai visitar os museus, exposições de arte, etc.

[editar] The Lost Symbol

Em 2009, no Símbolo Perdido, Langdon encontra-se numa competição de habilidade de pensar rápido, com um vilão tatuado chamado Mal'akh, que o leva em uma caçada através dos símbolos maçônicos e sobre a história da cidade de Washington, D.C. .
Quanto á sua adaptação do personagem em filme, é possível que Tom Hanks venha novamente a interpretar e pela terceira vez, o papel do famoso Professor Robert Langdon, em 2012.[5][6][7]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...

A verdade nua e crua!!!


Mesmo que você esteja em uma minoria de um a verdade continua sendo verdade ainda que esta seja esmagada contra a parede permanecerá imutável.

A Verdade Liberta !!! averdadeliberta777.blogspot.com

"Se as pessoas apenas entendessem a tamanha injustiça de nosso Dinheiro e Sistema Bancário, aconteceria uma revolução antes do amanhecer." - Andrew Jackson

Pesquisar este blog

Seja um de nossos seguidores!!!

Arquivo do blog

Minha foto
Ibaté, São Paulo, Brazil
Eu sou cristão protestante da Igreja Presbiteriana Independente de Ibaté, cidade onde cresci e vivo atualmente... Não me considero um religioso, penso que só a religião em si não tem o poder de salvar a alma de ninguém nem transformar uma pessoa corrompida em um cidadão de bem... A religião nada mais é do que uma das instituições que em conjunto formam a sociedade.Assim como a família, a escola, o club,etc... Nada mais servem do que para nos moldar conforme o padrão que a sociedade requer, para que assim possamos viver de forma ''civilizada''... Uma escravidão a qual somos submetidos ao fazer parte da sociedade pois esta é englobada em um sistema rígido, manipulador e opressor... Não sou perfeito como nínguém é, mas apenas tento dar a minha colaboração a essa pobre gente como eu,(a grande massa), que já está tanto cansada de lutar e enfrentar tantas mentiras... Sou apenas mais um louco idealista neste mundo capitalista.