quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Confirmado: terremoto no Haiti foi fabricado pelos EUA





No exato dia em que o terremoto no Haiti aconteceu, comentei com pessoas de meu convívio próximo: “Muito provavelmente isso não foi um terremoto natural”. Dias depois, lendo notícias na internet, descubro que o humanitário e benevolente EUA está por toda a parte do Haiti! Assisti a um vídeo (vou tentar lembrar aonde e o coloco aqui) em que um haitiano dizia que a presença dos Estados Unidos no país está tamanha, que só falta eles astiarem sua bandeira por lá.

Declarações oficiais sobre o terremoto no Haiti

Os que acompanham as notícias sabem que Hugo Cháves declarou que o terremoto no Haiti foi provocado pelos Estados Unidos e, mesmo diante da (já esperada) ridicularização da “imprensa oficial” (e dos macaquinhos de imitação que repropagam o que a mainstream midiática quer), seus argumentos fazem sentido, como, por exemplo, “Quem disse que fazem falta soldados com fuzis e metralhadoras? Isso é agravar o problema. Obama, mande médicos, tendas, remédios”.
E não faz sentido? Se uma catástrofe atinge um local do mundo e um país, dito o mais rico do mundo, envia soldados?! Não que os EUA não tenham também doado dinheiro e suprimentos, mas, o país mais próspero do globo terrestre, que se vangloria ao afirmar que tem nobres intenções em ajudar o povo haitiano, precisa organizar campanhas para seus concidadãos tirarem dinheiro do próprio bolso?
E onde estava os soldados nessa hora?

O Relatório da Frota Russa do Norte

Mas Chávez não disse isso sem bases, não foi algo inventado de sua criativa mente política. Ele teve uma base, que foi o relatório feito pela Frota Russa do Norte (Marinha Russa), que elaborou esse documento apontando fortes indícios de que o terremoto no Haiti foi fabricado pelos EUA em um “teste com armas” (alguém lembrou da HAARP?) – como pode ser visto no artigo “Haiti: Os EUA criaram o terremoto do Haiti?“, do blog ANNCOL Brasil. Em um dos trechos do relátorio, consta que
é “mais do que provável” que a Marinha dos EUA teve “conhecimento total” do catastrófico dano que este teste de terremoto poderia ter potencialmente sobre o Haiti e que tinha pré-posicionado o seu Comandante Delegado do Comando Sul, General P.K. Keen, na ilha para supervisionar os trabalhos de ajuda se fossem necessários.
Em outro trecho, está registrado que
o Departamento de Estado, Agência Americana de Cooperação para o Desenvolvimento Internacional (USAID) e o Comando Sul dos EUA começaram a invasão humanitária ao enviar pelo menos dez mil soldados e empreiteiros para controlar, no lugar da Organização das Nações Unidas, o território haitiano após o devastador terremoto experimental.

O passado da ações estadunidenses

O projeto HAARP (que, inclusive, possui site oficial) já é alvo dos críticos aos teóricos da conspiração há tempos – críticos esses que merecem o ditado: “O pior cego é aquele que não quer ver”). Mas, será mesmo teoria o episódio de Pearl Harbor, por exemplo, onde os EUA já sabiam com antecedência de semanas o que iria acontecer? E o inside job do 11 de setembro? O “ataque terrorista” já foi desmentido através de livros, documentários, sites, manifestos e, principalmente, pela omissão do governo dos EUA de fatos e informações sobre o acontecido, deixando “em aberto” inúmeras dúvidas e questões imprescindíveis para o total entendimento.
O fato de oficiais do governo norte-americano já estarem devidamente posicionados, estrategicamente, com o objetivo de “supervisionar trabalhos de ajuda”, é informação sem valor?
Quando países do globo, que possuem autonomia e reconhecimento perante a comunidade internacional, declaram que determinado evento – o terremoto no Haiti – foi provocado por “testes” com armas estadunidenses, realmente isso não é passível de credibilidade?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Loading...

A verdade nua e crua!!!


Mesmo que você esteja em uma minoria de um a verdade continua sendo verdade ainda que esta seja esmagada contra a parede permanecerá imutável.

A Verdade Liberta !!! averdadeliberta777.blogspot.com

"Se as pessoas apenas entendessem a tamanha injustiça de nosso Dinheiro e Sistema Bancário, aconteceria uma revolução antes do amanhecer." - Andrew Jackson

Pesquisar este blog

Seja um de nossos seguidores!!!

Arquivo do blog

Minha foto
Ibaté, São Paulo, Brazil
Eu sou cristão protestante da Igreja Presbiteriana Independente de Ibaté, cidade onde cresci e vivo atualmente... Não me considero um religioso, penso que só a religião em si não tem o poder de salvar a alma de ninguém nem transformar uma pessoa corrompida em um cidadão de bem... A religião nada mais é do que uma das instituições que em conjunto formam a sociedade.Assim como a família, a escola, o club,etc... Nada mais servem do que para nos moldar conforme o padrão que a sociedade requer, para que assim possamos viver de forma ''civilizada''... Uma escravidão a qual somos submetidos ao fazer parte da sociedade pois esta é englobada em um sistema rígido, manipulador e opressor... Não sou perfeito como nínguém é, mas apenas tento dar a minha colaboração a essa pobre gente como eu,(a grande massa), que já está tanto cansada de lutar e enfrentar tantas mentiras... Sou apenas mais um louco idealista neste mundo capitalista.